Brasil e ONU assinam memorando para cooperação no setor espacial

Por Ana Clara Guinelle Teixedo e Caroline Colbert |

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações do Brasil (MCTI) e o Escritório das Nações Unidas para Assuntos do Espaço Exterior (UNOOSA) assinaram um Memorando de Entendimento (MoU) para promover cooperação na exploração e uso pacífico do espaço sideral. O documento assinado em 23 de setembro de 2020 foi resultado de uma articulação de longa data entre o UNOOSA e o Brasil. Além de proporcionar maior agilidade na implementação de seus projetos e iniciativas, significa um grande avanço em termos de direito espacial, política espacial, ciência e tecnologia, uso do espaço para o desenvolvimento sustentável, gerenciamento de desastres, navegação, telecomunicações e capacitação. Outra pauta importante desta parceria é que busca fomentar a igualdade de gênero no setor espacial.

Impacto em Segurança e Defesa: O MoU é um importante instrumento na promoção da ciência brasileira. Ao expandir a estrutura de colaboração entre governo brasileiro e UNOOSA, permite uma maior visibilidade e credibilidade do Brasil nas áreas espaciais, impactando diretamente o posicionamento brasileiro no uso do espaço para segurança e defesa frente à comunidade internacional.

Fonte: UNITED NATIONS INFORMATION SERVICE. UN Office for Outer Space Affairs and Ministry of Science, Technology and Innovation of Brazil sign MoU to advance cooperation on the exploration and peaceful uses of outer space. UNIS, 23 set. 2020. Disponível em: https://unis.unvienna.org/unis/en/pressrels/2020/unisos534.html.

Google News


Assine nossa Newsletter


Receba mensalmente o Informativo RADAR em seu e-mail

Últimos Artigos

FAB usa modelo computacional para auxílio na tomada de decisão

Por Marcelo Andrade de Barros e Walmor Cristino Leite Junior | O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) desenvolveu o protótipo de um sistema...

Gamificação ajuda no treinamento organizacional sobre cibersegurança

Por Jéssica Leite dos Santos e Nathalie Torreão Serrão| Empresas e agências governamentais vêm empregando metodologia baseada em jogos para dirimir riscos de violação de...

Estados Unidos testam satélite capaz de produzir energia elétrica

Por Larissa Caroline Souza da Silva e Caroline Colbert | Um grupo de cientistas do exército dos Estados Unidos testou com sucesso um satélite, equipado...

Enfraquecimento da Corrente do Golfo é motivo de alerta

Por Samira Scoton e Daniel Vidal Pérez | A Corrente do Golfo (Atlantic Meridional Overturning Circulation – AMOC) atingiu seu nível menos intenso em mil...

Artigos relacionados

Deixe aqui o seu comentário

Favor informar seu comentário
Favor informar seu nome