Covid-19 afeta a segurança alimentar global e agrava a fome no Iêmen

Por Daniel Vidal Pérez e Gabriel Paes |

A epidemia da Covid-19 tem acarretado graves reflexos para a segurança alimentar mundial, especialmente às nações que dispõem de poucas reservas financeiras e dependem de importações para a subsistência doméstica. Contudo, a realidade do Iêmen mostra-se ainda mais estarrecedora, em razão do cenário calamitoso presenciado no país desde o início da guerra civil em 2015. As atuais medidas de restrição em regiões fronteiriças, por conta do coronavírus, e o recente cessar-fogo, pouco alteraram a dinâmica interna, uma vez que o Iêmen presenciou constantes bloqueios terrestres e navais nos últimos cinco anos.

Impactos em Segurança e Defesa: Deve-se considerar um possível aumento das atividades de pirataria armada no Golfo de Aden, assim como no fluxo desordenado de refugiados até a costa do Djibouti e da Somália, eventos estes propulsados pela constante deterioração do aparato estatal e a busca por meios irregulares para subsistência.

Indicador: Aproximadamente 53% da população está em situação de insegurança alimentar, com mais de 4 milhões classificados como emergenciais. 83 % das crianças de até 5 anos estão anêmicas e 37% dos lares sequer possuem mínimo acesso à água potável. 3,6 milhões de pessoas estão desalojadas dentro do país.

Fonte: FOOD Security Information Network. 2020 Global Report on Food Crises. 2020. Disponível em: https://docs.wfp.org/api/documents/WFP-0000114546/download/?_ga=2.59263725.1761067954.1591024677-231693153.1588346380.

Google News


Assine nossa Newsletter


Receba mensalmente o Informativo RADAR em seu e-mail

Últimos Artigos

Turquia chegará à Lua até 2023

Por Caroline Colbert | O presidente turco Recep Tayyip Erdoğan anunciou no dia 9 de fevereiro um plano de programa espacial com duração de 10...

Degelo atual é compatível com os piores cenários previstos pelo IPCC

Por Victor Gaspar Filho e Thauan Santos | Estudo financiado pelo Conselho de Pesquisa Ambiental britânico constatou que a aceleração do degelo global é condizente...

Japão está desenvolvendo primeiro satélite de madeira do mundo

Por Leandro Laranjeiras e Caroline Colbert | Pesquisadores da universidade de Kyoto e da empresa Sumitomo Forestry iniciaram o projeto dos primeiros satélites do mundo...

Extremos climáticos marcaram o ano de 2020

Por Alice Castelani e Thauan Santos | O ano de 2020 foi marcado por extremos climáticos, evidenciando o agravamento do aquecimento global. 2020 registrou os...

Artigos relacionados

Deixe aqui o seu comentário

Favor informar seu comentário
Favor informar seu nome