Pirataria no litoral nigeriano ameaça cadeias de suprimento de petróleo

Por Antônio Pedro Lima e Marcelle Bessa |

Grupos de piratas estão se expandindo na África Ocidental, principalmente no litoral da Nigéria, ameaçando o armazenamento de petróleo offshore. De acordo com o Bureau Marítimo Internacional, o primeiro trimestre de 2020 registrou 47 ataques. A região do Golfo da Guiné sofreu 21 ataques e 90% dos sequestros do mar em 2019, sendo a maioria realizada no litoral da Nigéria. Devido à queda recente nos preços de petróleo, os piratas têm procurado embarcar em navios e instalações offshore para sequestrar tripulantes. A perspectiva de assistência internacional ainda é remota, o que pode prejudicar o crescimento da maior economia da África.

Impacto em Segurança e Defesa: O aumento da pirataria ameaça as cadeias de suprimentos de petróleo e a segurança energética, acarretando riscos para empresas internacionais de distribuição de petróleo. Diversas rotas marítimas evitam o Golfo da Guiné. Devido aos pagamentos de resgate para liberação dos tripulantes, os custos para exportadores da região aumentaram.

Indicadores: As importações da Nigéria para o Brasil superaram US 10 bilhões em 2014, com expressiva concentração de petróleo. Em 2017, as importações da Nigéria foram de US$ 829 milhões. Essa redução se deve a uma série de fatores, e os riscos relacionados à segurança podem acentuar a queda.

Fonte: SMITH, Elliot. Pirates are expanding in West Africa, threatening offshore oil storage. CNBC , Nova Jersey, ano 41, 28 abr. 2020. Disponível em: https://www.cnbc.com/2020/04/27/pirates-are-expanding-in-west-africa-threatening-offshore-oil-storage.html

Google News


Assine nossa Newsletter


Receba mensalmente o Informativo RADAR em seu e-mail

Últimos Artigos

Aquecimento global causa risco de aumento em 3 graus Celsius

Por Nicole Torres e Thauan Santos | Um estudo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) constatou que os gases do efeito estufa atingiram novo pico em...

COVID-19 afeta a segurança alimentar e preocupa consumidores asiáticos

Por Julia Nishio e Daniel Vidal Pérez | A COVID-19 potencializou o número de consumidores preocupados com a contaminação dos alimentos na região da Ásia-Pacífico...

O site do Informativo RADAR agora é totalmente bilíngue

O site do Informativo RADAR estará, a partir de janeiro de 2021, totalmente bilíngue. O leitor agora poderá optar em ler as matérias do...

China seleciona 18 astronautas para treinamento em futura estação espacial

Por Caroline Colbert | A China escolheu 18 novos astronautas para ficarem a bordo da futura estação espacial chinesa. Os novos astronautas incluem 17 homens...

Artigos relacionados

Deixe aqui o seu comentário

Favor informar seu comentário
Favor informar seu nome