Redes privadas virtuais apresentam vulnerabilidade para trabalho remoto

Por Marcelo Andrade de Barros e Walmor Cristino Leite Junior |

Um projeto de pesquisa da Cyber Security Forum Initiative (CSFI) mostra como as Virtual Private Networks (VPN), redes privadas virtuais para comunicação segura em redes públicas de computadores, podem ser comprometidas. São apresentados vetores de ataque utilizados no comprometimento de redes; formas como analistas em centros de operações de segurança estão lidando com a situação e recomendações sobre como proteger melhor redes corporativas e computadores pessoais. O objetivo é chamar a atenção para a possibilidade de comprometimento dessa modalidade de conexão, apresentando os riscos assumidos pelo usuário ao trabalhar remotamente.

Impacto em Segurança e Defesa: Projeto apresentou vulnerabilidades em sistemas VPN utilizados por instituições governamentais americanas. A pandemia de COVID-19 forçou a adoção de regimes de trabalho remoto em diversas instituições, privadas e públicas. Esse fato conduz a uma mudança de paradigma, onde o home office se torna cada vez mais comum. Nesse contexto, em especial nas atividades sensíveis, garantir a segurança das comunicações é essencial.

Fonte: BITTER, S. VPN Tunneling and Remote Work Cyber Threat Project. 2020. Disponível em: https://www.csfi.us/pubdocs/?id=55.

Google News


Assine nossa Newsletter


Receba mensalmente o Informativo RADAR em seu e-mail

Últimos Artigos

Confira o cronograma completo do evento

Confira aqui os participantes, horários e grupos de debates do evento, que acontecerá online nos dias 13 e 14 de maio de 2021. Horário Dia 13/05 Dia...

Exército dos EUA aprova planos para uma camada espacial tática

Por Rafael Esteves e Caroline Colbert | No dia 19 de abril de 2021, o exército dos Estados Unidos aprovou o desenvolvimento de um protótipo...

Estudo aponta dependência global da biodiversidade dos países em desenvolvimento

Por Alice Castelani and Daniel Vidal Pérez | Um estudo publicado por pesquisadores brasileiros na revista Science Advances apontou que os países com maior grau de desenvolvimento...

Primeiro satélite paraguaio monitora o desenvolvimento da doença de Chagas

Por Agatha Tomassoni Santos e Caroline Colbert | O primeiro satélite do Paraguai, chamado de Guaranisat-1, foi lançado a partir da Estação Espacial Internacional e...

Artigos relacionados

Deixe aqui o seu comentário

Favor informar seu comentário
Favor informar seu nome