Trump reitera preocupação de Obama com riscos de explosões solares

Por Rafael Laginha |

O Evento Carrington, ocorrido em 1859, marca a ocasião em que uma massiva tempestade solar geomagnética atingiu o planeta e provocou a interrupção do sistema de comunicação mais avançado da época, o telégrafo. Inúmeros eventos similares já provocaram danos à infraestrutura do planeta. Pesquisas apontam que uma nova tempestade de igual magnitude teria o potencial de provocar sérios danos à infraestrutura elétrica e de comunicações de todo o globo. Cabe, também, ressaltar que explosões nucleares na atmosfera são, igualmente, capazes de produzir Pulsos Eletromagnéticos. Se preparando para tais eventos, o Governo Obama, em 2016, e o Governo Trump, em 2019, publicaram ordens executivas nesse sentido.

Impactos na Defesa e na Segurança: Há diferenças entre a ordem executiva de Obama e a de Trump, o que antes era uma preocupação com eventos naturais passou a ser uma preocupação militar, pois pode degradar a infraestrutura e danificar e interromper a tecnologia estrutural crítica de um país, sobretudo com desdobramentos para os meios tecnológicos empregados na Defesa e na Segurança.

Fonte: LIPIEC, Eva Analyst; HUMPHREYS, Brian. Space Weather: An Overview of Policy and Select U.S. Government Roles and Responsibilities. Washington: Congressional Research Service, 2020. Disponível em: https://crsreports.congress.gov/product/pdf/R/R46049.


Assine nossa Newsletter


Receba mensalmente o Informativo RADAR em seu e-mail

Últimos Artigos

Exército norte-americano trabalha no desenvolvimento de materiais autorregenerativos autônomos

Por Felipe Marques e Thiago Jacobino Honório | Pesquisadores do Exército dos Estados Unidos e da Texas A&M University juntaram esforços para a elaboração de um novo...

Acordo que removerá impasses entre Israel e os Emirados Árabes Unidos favorece os EUA

Por Antonella Ribeiro e Thiago Jacobino Honório | Segundo um oficial emiradense, o acordo para normalizar as relações do país árabe com Israel removerá qualquer...

Retração nos níveis de consumo reduz pegada ecológica da humanidade

Por Mayara Matos e Thauan Santos | O ritmo que a humanidade consome os recursos do planeta teve uma queda significativa no ano de 2020....

Detritos espaciais são rastreados pela primeira vez à luz do dia

Por Ana Clara Guinelle Teixedo e Caroline Colbert | Pesquisadores da Agência Espacial Europeia (ESA, em inglês) criam um novo método que possibilita que lasers...

Artigos relacionados

Deixe aqui o seu comentário

Favor informar seu comentário
Favor informar seu nome